Sistemas de depuração com mantas flutuantes Fitofloat

As mantas flutuantes são estruturas retangulares planas compostas por uma parte flutuante interior e suporte para vegetação. Cultivam-se com espécies helofíticas e se utilizam para depuração de água, criar novos habitats de fauna e integração paisagística de massas de água.

Vantagens da utilização de mantas flutuantes Fitofloat:

  • Melhoria de qualidade das águas e combate à eutrofização. Uma das principais qualidades da vegetação macrófita é sua capacidade de infiltrar oxigênio na água através de um tecido específico chamado aerénquima. Nas mantas flutuantes, as raízes da vegetação crescem “penduradas” por baixo da superfície da lâmina de água gerando condições aeróbicas. Estas condições são ideais para a proliferação de bactérias decompositoras de matéria orgânica, que por sua vez aproveitam a enorme superfície radicular como substrato (biofilm). Em combinação com a absorção de nutrientes realizada pela vegetação, estes pequenos ecossistemas flutuantes se convertem em eficazes sistemas de depuração.

  • Geração de novos habitats para fauna. As superfícies das mantas se convertem em áreas de nidificação e refúgio de aves, anfíbios e insetos. Na parte submergida alguns peixes e insetos encontram as condições ideais para desovar e se refugiar dos predadores.

  • Integração e melhora paisagística de estruturas artificiais e lâminas de água. Instaladas em lagos artificiais, pântanos ou balsas podem contribuir na melhoria estética e a redução do impacto visual de estruturas e materiais artificiais.

  • Redução da erosão pela dinâmica das ondas. É possível reduzir a incidência de sucessão de ondas instalando barreiras de mantas flutuantes paralelas às margens.

Fitofloat Coir, fitodepuração em ambientes naturais.

Baseadas em comunidades vegetais naturais flutuantes, este produto está constituído por um suporte plano, flexível e flutuante fabricado com PP e PE (materiais não tóxicos e recicláveis) e um colchão orgânico que atua como substrato para vegetação macrófita aquática emergente.

Fitofloat Std., fitodepuração mediante umidades artificiais.

Sistema desenvolvido para a construção de umidades artificiais de depuração de águas residuais urbanas ou assimiláveis. Neste sistema a vegetação se implanta diretamente sobre um suporte flutuante sem colchão orgânico. As placas de vegetação flutuante se instalam cobrindo completamente as balsas de umidade artificial. A dimensão destas umidades deve ser realizada por métodos racionais de cálculo que assegurem a eficácia e o o correto funcionamento do sistema.

Nas balsas de umidade, a vegetação é a encarregada de gerar as condições ambientais adequadas e de atuar como substrato do biofilm; principal responsável da depuração das águas. Além disso, a vegetação exercerá um efeito positivo através da absorção e retenção da matéria orgânica mineralizada e outros contaminantes.

Os sistemas de depuração mediante umidades artificiais são indicados para depuração integral de águas residuais de populações de até 2000 habitantes, como tratamento terciário ou de afinamento em sistemas de depuração tradicionais.

CARACTERÍSTICAS TÉCNICAS
caracteristicas tecnicas fitofloat

QUER UM ORÇAMENTO?

IMAGENS
instalação_colchão_flutuante
recuperação_areas_aquaticas
fitodepuraçao_projar_brasil
fitodepuração_águas_residuais
sistema_fitofloat
Seccion filtro verde fitofloat